15 de jan de 2012

Transtorno de personalidade



Para diagnosticar uma pessoa com psicopatia, Robert Hare desenvolveu um famoso teste psicológico, válido somente quando aplicado por um psicólogo ou psiquiatra. Seus critérios diagnósticos abrangem os recursos afetivos, interpessoais e comportamentais. Cada item é avaliado em uma nota de zero (ausente ou leve), um (moderada) ou dois (grave). A soma total determina o grau de psicopatia de uma pessoa.
 
Fator 1
Narcisismo agressivo
 
1. Sedutora / Charme superficial
2. Grandioso senso de auto-estima
3. Mentira patológica
4. Esperteza / Manipulação
5. Falta de remorso ou culpa
6. Superficialidade emocional
7. Insensibilidade / Falta de empatia
8. Falha em aceitar a responsabilidade por ações próprias 
 
Fator 2
Estilo de vida socialmente desviantes
 
1. Necessidade por estimulação / tendência ao tédio
2. Estilo de vida parasitárias
3. Falta de metas de longo prazo realistas
4. Impulsividade
5. Irresponsabilidade 
 
Fator 3
Estilo de comportamentos irresponsáveis
 
1. Controle comportamental pobre
2. Versatilidade criminal
3. Delinquência juvenil
4. Problemas comportamentais precoces
5. Revogação da liberdade condicional
 
Traços não correlacionadas com ambos fatores
 
1. Várias relações conjugais de curta duração
2. Promiscuidade
 

Nenhum comentário: