24 de ago de 2008

O fofo da vez [026]

Ratos encontrados fazendo uma apresentação em um pub underground na Suécia...
Suas músicas são versões instrumentais dos sucessos do Topo Gigio.

(via)

4 comentários:

Afrodite disse...

Não gosto de ratos mas esse que vc achou são simplesmente fofos!
bjos!

disse...

Eu amo bichinhos, até louva-deus!! rs.
Esses ratinhos, além de fofíssimos, fotos lindas, tocando instrumentos (amo música), me tocam por relembrar de alguém muito querido que no passado me apelidou de "ratinha"!
Achei estranho! Mas era um carinhoso apelido, e ele (cientista) explicou:
"Você parece uma ratinha de laboratório: pequenininha, branquinha, fofinha, dá vontade de ficar abraçadinho o tempo todo".
Foi a coisa mais romântica e engraçada que ouvi. E guardo com muito carinho.
E sabe? Eu me sentia uma "ratinha" perto dele, pequenininha (isso é raro!) e protegida, acarinhada.
É bom relembrar coisas gostosas que se eternizaram.
Engraçado, nunca tinha falado sobre isso... Agora sim está eternizado. Obrigada.

disse...

Jhuly, os ratinhos me inspiraram e escrevi sobre os meus 18 anos no http://www.interney.net/blogs/lll/

Achei que ia gostar do texto que o Alex escreveu, e ele convida o povo a dizer como era aos 18 anos.

É que a história da "ratinha" aconteceu exatamente nessa época.
Bj.

jhulyjohns disse...

Eu também amo bichinhos... mas os louva-deus comem cabeças. Tive uma ratinha chamada Fernarda, mas ela morreu de tanto comer. Sério...

Pê, que texto legal que você deixou no comentário do Interney! Por que não publica este texto no TEU blog? Por que não pergunta aos teus leitores o que faziam aos 18 anos? Bah, vai ser legal!!!! Tipo a Melissa (Afrodite), vai fazer teus leitores ficarem como eu quando leio o blog dela: vermelhos de vergonha! hihihihihihi

(obs1.: punk que namorava um cientista? Maaaaassssssaaaa!!!)
(obs2.: as bandas que você escutava eu escuto até hoje...)
(obs3.: Escrevia zines? Guria! Isso é muuuuuuito massa! Vai lá escrever no teu blog! AGORA!)